Frete marítimo sobe 470%, causa impacto Inflação Global

22/06/2022

Durante a pandemia o preço do frete marítimo subiu quase 500%, iniciando o ano de 2022 com custo 4,7 vezes maior, segundo dados da Confederação Nacional da Indústria(CNI).

O cenário se soma ao contexto de inflação em alta com pandemia e o encarecimento da cadeia de suprimentos, deixando os produtos mais caros. Atualmente, 90% das movimentações do comércio internacional são feitas pelo mar, o que significa que as movimentações via marítima tiveram um impacto significativo com o aumento do frete.

O quadro foi fortemente influenciado pela parada do Porto de Xangai, que tem uma fatia relevante do tráfego marítimo do mundo. Isso ocorreu em meio às decisões do governo chinês nas últimas semanas, após uma certa resistência em realizar um lockdown em Xangai.

O custo de produção deve ser justamente um dos pontos cruciais para o aumento dos preços em outros lugares do mundo dado o encarecimento de commodities e outros insumos.

O cenário atual ocasiona dois efeitos:

Inflação alta com os preços subindo e desaceleração da economia devido a menor geração de valor das empresas.

Em um relatório divulgado no início de abril, a Organização Mundial do Comércio (OMC) sinalizou que no pior cenário possível da dissociação das economias globais e do frete marítimo em alta o PIB global de longo prazo poderia encolher 5%.

Confira a notícia completa:

  https://www-suno-com-br.cdn.ampproject.org/c/s/www.suno.com.br/noticias/frete-maritimo-precos-inflacao/amp/

#Wisefournews #Wisefour #W4

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *